4 de outubro de 2011

Dia #14 - de Tallahassee, FL, a Tampa, FL

Área de descanso na I-19

Tomamos café-da-manhã num Burger King. Claro, são todos muito parecidos - McDonalds, Arbys, etc. - mas este estava bem gostoso, pelo menos pra mim.
Jackie na área de descanso
Arrumamos as coisas e saímos. A viagem vai chegando ao fim e vai batendo uma certa melancolia. E também veio o calor e a pressão baixa quando entramos na Florida. Assim que chegamos a Robinsville, uma frente fria chegou a todo o meio-oeste dos States, incluindo-se aí a Georgia.
A área de descanso tem até parque pra cachorro
Atlanta estava fria, com mínimas em torno de 6ºC e máximas inferiores a 20ºC. Chegando pro sul, elas começam a subir e a Florida é, tradicionalmente, quente. Tallahassee não foi exceção.

Sabíamos que a viagem teria muitas paradas e seria sob sol forte e temperaturas altas. Após uma hora de viagem nestas condições, paramos em uma área de descanso na I-19, rodovia que percorreríamos quase até St. Petersburg.

O local é muito bem cuidado, claro. Tem todos os recursos não-comerciais e até área pra passear com o cachorro.
Cody's original, de Crystal Lake
Fizemos diversas paradas para abastecer e descansar. A estrada é cheia de pequenas cidades à beira do golfo e o trânsito, às vezes, pára bastante, já que há semáforos na própria estrada. De resto, percurso fácil e tranqüilo.
Totem do Cody's
Paramos para o almoço em Crystal Lake, onde começou a rede Cody's. São especilizados em hambúrgueres, carnes, frango e camarão grelhado. Felizmente havia uns frijoles vegetarianos e consegui comer muito, muito bem.
Pick-ups de época na entrada
Nas mesas há um balde de metal cheio de amendoins com casca. Detalhe: os amendoins são salgados POR DENTRO. Mágica? Não, eles cozinham os amendoins em água salgada e depois disto os torram.
Balde de amendoins - são cozidos em água salgada
antes da torra
As cascas são jogadas sem qualquer cerimônia no chão, mesmo, e dão aquele charme de local simples ao restaurante.
Cascas dos amendoins, jogadas no chão, mesmo - charme do local

As pick-ups são muito bem cuidadas
 Comemos MUITO, inclusive um fantástico cheese cake de sobremesa.

Uma destas ficava muito bem lá em casa...
A comida é farta e comemos os anéis de cebola, especialidade da casa, por pura gula.
Anéis de cebola - excelentes
Depois do almoço seguimos viagem até Tampa. Cidade bem simpática, com distrito histórico e tudo, mas com um trânsito pra lá de caótico.
Escolhemos, por recomendação do Oráculo, ficar em um hostel. É uma casa antiga, enorme, onde cada quarto tem um nome - o do nosso é Jazz - e tudo é bem simples, mas com toques de sofisticação em tudo o que se vê.

Amanhã é nosso último dia de estrada. Seguimos daqui para Miami. Ano que vem, se tudo correr bem, voltamos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...