18 de agosto de 2010

El Paso, Texas


Está no roteiro de nossa viagem sair da Rota 66 em Albuquerque, Novo México, em direção ao sul dos Estados Unidos pela Interstate 25.

Visitaremos El Paso, Texas. E por quê visitar El Paso?

Ah, porque a cidade foi cenário de inúmeros filmes  de "bang-bang" ou, se não foram verdadeiramente rodados lá, muitas vezes a cidade foi citada no cinema. Querem exemplos? A fronteira (1982, Jack Nicholson e Harvey Keitel), Paris, Texas (1984, com Harry Dean Stanton e Dean Stockwel) e Kill Bill Vol.2 (2004, dirigido por Quentin Tarantino e estrelado por Uma Thurman) e tantos outros.

Mas El Paso continua sendo notícia. Infelizmente, quase sempre ligada à violência. Não, El Paso não é uma cidade insegura, ao contrário, é hoje considerada a segunda cidade mais segura dos EUA, perdendo apenas para Nova York. A insegurança está na outra margem do Rio Grande, em Ciudad Juárez, México.

Em Ciudad Juárez está instalado o Cartel Juárez. A taxa de homicídios é de 130 para cada 100.000 habitantes. Em São Paulo este índice é de 10,95/100 mil, em 2009, de acordo com os dados da Secretaria de Segurança Pública de São Paulo.

E agora Ciudad Juárez está no centro de outra polêmica: a marca de cosméticos canadense M.A.C cancelou o lançamento de uma linha produtos de maquiagem com nomes inspirados na cidade mexicana estrelada por modelos de aparência mórbida. Ainda que o lucro auferido com a venda dos produtos tivesse destinação nobre - seria integralmente utilizado para apoiar organizações dedicadas a auxiliar mulheres e meninas vítimas da violência em Ciudad Juárez - foram muitas as opiniões contrárias à campanha de lançamento. Tantas que a M.A.C. o cancelou, mas prometeu que a ajuda financeira está mantida. Será? Leia mais sobre isto aqui.

De todo modo, ainda que as notícias não sejam as melhores, nós vamos para El Paso! E esperamos encontrar lá a El Paso dos filmes de faroeste com a trilha sonora de Ennio Morricone...

4 comentários:

  1. Luiz Ornellas Berriel19 de agosto de 2010 09:13

    Ah! Estou viajando no tempo...Vendo o mapa do roteiro e lendo sua mensagem viajei para os passados anos 50...vejo-me numa platéia de um poeirento cinema, ao lado da sua avó Wilma e do seu pai... estou com os olhos vidrados na tela, onde numa também poeirenta Silver City o pistoleiro Billy the Kid dispara seu Colt e vence mais um duelo... também vejo Rex Allen montado num cavalo que galopa pelo Deserto de Sonora fugindo de bandoleiros mexicanos...passam pela tela Cisco Kid e Nevada Kid, Buck Jones, Bill Elliot, Tim Relâmpago, Cavaleiro Negro e Gene Autry... percebo na tela em preto e branco a única rua de Durango, cidade do famoso Durango Kid. É, minha querida sobrinha, nossos filmes possuem tempos diferentes mas nossos sonhos são muito iguais!
    Beijão.

    ResponderExcluir
  2. E você acha que a escolha de voltar para Los Angeles pela fronteira EUA-México não tem a ver com todos aqueles filmes que nós assistimos? A diferença só está no fato de que eu assisti a esses filmes na Sessão da Tarde! Já o Carlos e você... Kkkkk!

    Ô tempo bom! Ficava vidrada em frente à TV tomando Nescau gelado e assistindo os "western spaghetti"! Bjs

    ResponderExcluir
  3. Precisamente estuve viendo ayer un documental TV sobre la vida en dos ciudades fronterizas pero con modos de vida completamente distintos: El Paso y Ciudad Juarez. En el caso de ésta última, la violencia y el poder de los cárteles de narcos se ha adueñado de la vida de sus ciudadanos, hasta el punto de que es noticia extraordinaria el día que no hay ningún muerto en la ciudad. La violencia contra las mujeres es totalmente impune y nada parece atajar la policía corrupta. En fin, pésima situación para una ciudad de paso...

    Por cierto, viendo tu mapa, veo que pasas por Flagstaff, imagino que para visitar el Gran Cañon. Yo estuve allí en el año 2000, en invierno, y era un paisaje espectacular. De camino encontrarás las reservas navajo (triste paisaje por la situación de marginalidad de sus habitantes) y algunos monumentos nacionales de estas tribus que poblaron las grandes llanuras, yacimientos con petrogrifos (grabados en la roca y algunas pinturas), que también merecen la pena visitar. Si puedes, pasa por el desierto de Arizona. Espectacular el cambio radical de ecosistema en un mismo estado entre las ciudades del norte (Flagstaff) y del sur (Phoenix, Tucson, etc).

    Ya estoy deseando que inicieis vuestra ruta!

    ResponderExcluir
  4. Sí, hay un océano de diferencias entre El Paso y Ciudad Juárez. ¡Una lástima!

    Es cierto que después de visitar a Flagstaff visitaremos el Grand Canyon. Si puedes mandame mas informaciones y fotos. Sin dudas serán útiles!

    Domingo me voy de viaje al "otro mundo", quiero decir, me voy a São Raimundo y vuelvo el día 28. Tantas cosas que hacer para arreglar todo para iniciar la aventura, pero no es nada malo tener preocupaciones de este tipo, ¿no te parece? Jajajaja...

    Besitos

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...